sexta-feira, outubro 28, 2005

Orador...

(esta Filosofia tem-me dado cá uma inspiração - obrigada stôr por me deixar estar a escrever estes textos durante a aula)


O colarinho apertado
A toga incólume, branca
Os tempos podem mudar
Mas só muda a roupa

É o mesmo sentimento, de sempre
O coração transpira sangue
Os gritos da multidão ecoam
Na cabeça do concentrado orador

Aproxima-se do púlpito
As pernas tremem-lhe
O coração galopa rapidamente.
E a multidão? Essa grita.

A mente corre-lhe veloz
Bolas de Fogo saltam-lhe
Dos olhos em chamas
E começa: "Caros ouvintes..."

5 Comments:

At outubro 29, 2005 11:19 da tarde, Anonymous alguém de passagem divagou...

A filosofia eleva-nos à mais sublime forma de pensar... de olhar o mundo... deve ser por isso que te sentes inspirada...

 
At outubro 30, 2005 10:51 da manhã, Blogger agua_quente divagou...

Direi até que estás muito inspirada. Bendita filosofia! :))
Beijos

 
At outubro 30, 2005 5:01 da tarde, Blogger Daniel Aladiah divagou...

Querida Susana
Ser orador não é fácil... as borboletas acompanham o tempo antes, mas o depois pode ser de grande prazer.
Um beijo
Daniel

 
At outubro 31, 2005 3:40 da tarde, Blogger gato_escaldado divagou...

belo discurso. aplausos, bravoooooo. beijos

 
At novembro 02, 2005 11:32 da tarde, Blogger JG divagou...

Quem me dera ser teu stôr. É ums querida. Um beijo

 

Enviar um comentário

<

<< Home